Dez dicas de estilistas experientes para quem está começando a carreira

De 7 a 9 de novembro Balneário Camboriú recebeu a conferência O Negócio da Moda. Um dos painéis do primeiro dia foi a discussão sobre o processo de desenvolvimento do produto . As participantes foram Juliana Jabour (Lezalez), Bruna Brands (Brandili), Cilene Buss (Petit Cherie), Jussara Caetano (WJ), Adriana Zucco(Colcci), com a mediação de Patrícia Lima (Revista Catarina). Foi uma discussão tão rica que separei os dez pontos mais importantes para quem está começando a carreira de estilista ( mas se aplica a muitas áreas de trabalho criativas):

  1. O Brasil tem dimensões continentais, por isso agradar os conumidores de Porto Alegre até Salvador exige um mix de produto afiado. Prestem atenção na modelagem, coordenação de estampas e peças funcionais. A coleção precisa ter unidade, precisa ter a alma da marca.

  2. Juliana Jabour cria para sua marca e é diretora criativa da lez a lez, e sentindo-se oprimida pelo tempo e pressão comercial criou uma coleção capsula da marca Just Kids, que desfilou no ultimo SPFW. Sem preocupação com volume de produção, preço das peças e sem amarras. Isso está acontecendo na moda com diversos estilistas que abandonam a cadeira criativa em grandes maisons. Todos nós precisamos de um respiro fashion. Defina qual o seu: se é um vestido de festa pra você que vai demorar 3 meses pra ficar pronto, ou um projeto que não tem ligação com roupa e sim com criatividade. Defina bem seu momento de brincadeira criativa.

  3. Separe as linhas de produto por uso. Dia a dia, fim de semana, dias de festa, para sair a noite. Note que você precisa entender muito da necessidade do cliente para aquela ocasião na hora de escolher a matéria prima da peça.

  4. Como você desenvolve uma coleção de maneira assertiva? TBC! Tire a bunda da cadeira e vá a campo: converse com o cliente final, lojistas, costureiras, eles tem a resposta para seus questionamentos

  5. As peças diferenciadas precisam estar na coleção, pois elas são o conceito de moda que irão reforçar o valor de marca. Mas como convencer a equipe comercial disso? Mostrar os cases antigos que eles não apostavam, vender a informação de moda primeiro pra eles, convencer que cada coleção existe um percentual de produtos que não serão sucesso de vendas, mas possuem o conteúdo da coleção.

  1. Absolutamente tudo que chama sua atenção pode servir como referência criativa. Desde filmes, viajem, arquitetura, maquiagem, pessoas na rua, pinturas, paredes pichadas. Todo estilista precisa oxigenar, sair da pesquisa on line ( usar ela como complemento) e olhar na nossa referência cultural, na natureza você sempre encontra algo inspirador.

  2. Esse esquema de ir pra Europa ou EUA fazer pesquisa e comprar itens da tendência de moda precisa ser repensado. A cópia literal da peça só mostra a nossa falta de criatividade como profissional. Deve-se fazer uma releitura, usar como referência apenas para cor ou tecido, adaptar para DNA da marca, proposito da coleção.

  3. Atenda pessoalmente todos os fornecedores, eles levam as novidades, ajudam a descobrir novas tecnologias e são parceiros para descobrir acessórios ou detalhes que você viu em alguma referência e ninguém consegue fabricar.

  4. Tenha o seu ócio criativo. Todas foram unânimes em afirmar que criam fora do escritório e do horário de trabalho, a ideia vem no banho, antes de dormir. Você precisa oxigenar para criar e precisa carregar um caderno de inspirações com você, não sabemos quando os insights vão chegar.

  5. Minha pergunta para elas foi: qual foi o erro mais didático como estilistas? Elas responderam: toda coleção é uma aposta e erros são inevitáveis. Em uma coleção grande sempre existirão peças sem sucesso de vendas, o importante é estar preparada para isso, não escutar as inseguranças criadas na nossa cabeça. Aprenda com os erros para não repeti-los e respire fundo pra tentar novamente com toda a criatividade e potencial que você tem.

Prontos para colocar a mão na massa? O seu sucesso profissional está esperando um passo pra fora da sua zona de conforto!o!

Posts Recentes
Procurar por tags